Cilindro

É o espaço dentro do qual o pistão se move. Considerado o coração do motor, pois a potência depende do tamanho do cilindro - costumeiramente chamada de cilindrada. Se o motor tem 4 cilindros de meio litro, ou seja, um total de 2 litros, diz-se que é 2.0. Comparativamente, um motor 2.0 teria o dobro da potência de um 1.0 nas mesmas condições.

Os cilindros podem estar dispostos em linha, na horizontal ou em "V" - quando se vê a descrição V6, por exemplo, deve-se entender que são 6 cilíndros dispostos em "V".

Vela de ignição

É a peça que faz a faísca para iniciar a combustão da mistura ar-combustível. Nos motores a diesel não há velas de ignição.

Válvulas

Mantêm a câmara de combustão vedada durante as reações. As válvulas de escapamento abrem-se para que saiam os gases resultantes da combustão.

As válvulas de admissão, então, se abrem para a entrada do ar e do combustível, fechando-se logo antes do início da compressão e recomeçando o ciclo.

Cabeçote (ou cabeça do motor)

É a parte onde estão as válvulas de admissão e escapamento, além das velas. Funciona também como tampa do bloco de cilíndros.

Pistão

É a peça que se move dentro do cilindro.

Feito de liga de alumínio ou, em carros mais antigos, de ferro fundido.

Anéis de segmento

Ficam entre a parte externa do pistão e a parte interna do cilindro. São peças que impedem que a mistura ar-combustível vaze para o cárter durante a compressão, e têm a mesma função em relação aos gases de escapamento durante a combustão.

Da mesma forma, em ambos os momentos, impede que o óleo do cárter entre no cilindro, onde seria queimado e desperdiçado. Quando se diz que o motor está "queimando óleo" - ou seja, é preciso trocá-lo com mais frequência -, os anéis estão gastos e não vedam com a eficiência devida.

Virabrequim

É a peça que transforma os movimentos de vai-e-vem do pistão, retos, em movimento circular.

O virabrequim é conectado à caixa de marchas, e esta sim faz as rodas girarem.

Biela

É a peça que liga o virabrequim ao pistão. As pontas da haste giram em quaisquer direções, já que pistão e virabrequim movimentam-se de diferentes formas.

Carburador

Faz a mistura ar-combustível na medida correta. Não existe em carros com injeção eletrônica.

Motor de arranque (ou motor de partida)

Funciona com energia elétrica e é responsável por fazer o motor do carro ligar, ou seja, fazer as primeiras reações, até que este tenha como funcionar sozinho. O motor de partida funciona enquanto a chave está virada, mas é programado para ficar pouco tempo ligado, por isso é aconselhável girar a chave por no máximo 10 segundos, em intervalos de meio minuto e no máximo três vezes. Se o carro não pegar, indica-se procurar um mecânico.

Solenóide de partida (ou bobina de chamada ou relé)

Peça que faz a ligação entre bateria e motor de arranque, aproximando os contatos através de um eletroimã.

Bateria

Alimenta os dispositivos do carro que precisam de energia elétrica, como som, farol, vidro elétrico e sistema de ignição - por isso, quando a bateria está descarregada, o carro não liga. A eletricidade fornecida tem 12 volts de tensão.

Alternador

Peça conectada ao virabrequim do motor e que gera energia - usada na recarrega da bateria - enquanto o carro está ligado. Quando se está usando um dispositivo elétrico, como o som ou os faróis, é importante ligar o carro, mesmo que ele esteja parado, para que a bateria seja recarregada.

Distribuidor

Leva a corrente elétrica da bateria até as velas de ignição, distribuindo a centelha à câmara de cilindro certa.

Correia dentada (ou corrente de distribuição)

Peça que sincroniza o movimento do virabrequim e do eixo que comanda as válvulas de escapamento e admissão, ou seja, mantém o ritmo do motor. Quando a correia quebra, o carro não liga e não pega nem no tranco.

Radiador

É a peça que resfria o líquido de arrefecimento do motor, ou seja, a substância que esfria o motor. Os líquidos mais comuns são água e óleo, que retiram calor de motor e cabeçotes, e depois vão para o radiador, onde trocam são resfriados com o ar que vem de fora, e recomeçam o ciclo.

Bomba d'água

É a peça que recebe a água de resfriamento que vem do radiador e a faz circular em cabeçotes, motor e de volta ao radiador, recomeçando o ciclo.

 

Blogs

Sem registros